07/10/2018

Moto One chega ao Brasil trazendo Android puro e visual de iPhone X

Será que a Motorola está se inspirando na Samsung e lançando aparelhos demais aqui no Brasil? Eles acabam de lançar no Brasil mais um smartphone, o Moto One, que é o primeiro aparelho nacional com Android One. E ele bate de frente em preço com outros aparelhos da própria Motorola!

O Moto One foi lançado no Brasil no último dia 04 e é o primeiro smartphone nacional a fazer parte do programa Android One. Aparelhos com Android One trazem o sistema com pouquíssimas personalizações e atualizações mais rápidas, tanto de segurança, quanto de sistema. Tanto é que o Moto One chega de fábrica com o Android 8.1 Oreo, mas receberá o Android 9 Pie até o final deste ano! E a Motorola já prometeu atualização para a versão depois desta (Android 10?).

Temos no Moto One (também chamado de Motorola One) o Android quase puro, mas ele ainda vem com algumas modificações da Motorola. O Moto Tela, que exibe notificações de bateria, data e apps com a tela desligada, os gestos para ativar a câmera e o flash e o app de câmera personalizado fazem parte dessas modificações.


Visualmente, o aparelho é muito bonito e lembra demais o iPhone X, trazendo traseira em vidro, bordas em metal cromado e com acabamento arredondado, câmeras dispostas verticalmente e tela frontal quase sem bordas e com um recorte na parte superior. Dos smartphones que testei, é o que mais se assemelha ao smartphone da Apple. Mesmo com a pouca inspiração, a Motorola trouxe um ótimo acabamento e o Moto One parece ser um aparelho premium.

A tela tem 5,9 polegadas e proporção de 19:9, mais esticada e com bordas mais finas. Ainda assim, existe na parte inferior borda suficiente para colocar o logo da Motorola (ela insiste em manter!). E na parte superior, temos o "notch", recorte que abriga a câmera frontal de 8MP, o alto falante e os sensores. Apesar da resolução HD+ (1520x720, poderia ser pelo menos FHD+), a qualidade das imagens e textos é ótima, assim como cores, brilho e resolução. Você não sentirá falta de uma resolução maior.


Apesar da tela de quase 6 polegadas, o aparelho se encaixa muito bem na mão e tem uma ótima "pegada". Só haverá dificuldades para alcançar o topo da tela. Tenho gostado muito de aparelhos com a tela ocupando quase toda a área frontal, já que temos uma "telona" e um smartphone relativamente compacto.

Quanto ao hardware, temos o bom e velho Snapdragon 625, um octacore com CPU A53 de 64bits rodando a até 2,0GHz e GPU Adreno 506. Ele é um tanto antigo e já está há bastante tempo no mercado, mas ainda traz um ótimo desempenho. É possível rodar games pesados com gráficos no médio e uma boa fluidez. O sistema e os apps támbém rodam com ótima fluidez e resposta. O Moto One traz também 4GB de RAM e 64GB de armazenamento e ainda conta com uma entrada independente para cartão de memória (além de 2 entradas para chips de operadora), sendo ainda possível usar esse cartão como memória interna do aparelho. A bateria tem 3000 mAh e não deve passar de um dia fora da tomada, mas acompanha o Moto One um carregador Turbo Power de 15W, permitindo 6 horas de uso com 20 minutos de carga.


O Moto One traz um duplo sensor traseiro. O principal tem 13MP f/2.0, filma em 1080p a 30/60fps e em 4K 30fps. Existe ainda um segundo sensor de 2MP, usado para detecção de profundidade e criação de vários efeitos, como modo retrato (desfoque do plano de fundo o principal),  recorte de objetos, seleção de uma única cor e cinegraph (gif com parte das cenas animadas). Ainda estou testando a câmera, mas até o momento o resultado está sendo muito bom (mas não excelente). A câmera frontal tem 8MP f/2.2 e filma em até Full HD. Tanto câmera traseira quanto frontal trazem flash.


Quanto ao preço de lançamento, achei um pouco salgado. Ele chegou no mercado brasileiro custando 1.499 reais, nas cores preta e branca. Por esse preço, é possível comprar o Moto G6 Plus, da própria Motorola, que traz tela maior e FHD+, chipset melhor (Snapdragon 636), além da mesma quantidade de memória. Mas com certeza o preço deve cair nos próximos meses. E a favor do Moto One, temos o Android One, o visual mais bonito (mas isso é questão de gosto) e... e só. E já tem vídeo no canal do brasiliGEEKS no YouTube, para assistir, clique aqui.

Deixe também sua opinião sobre o Moto One! Gostou do aparelho? O que achou do preço? É só deixar seu comentário!!!











1 comentários:

  1. Meu caro! Passou da hora para vocês youtuber largarem essa de "Visual do iphone X".

    ResponderExcluir