26/04/2014

O Tablet "gigante" Galaxy Note Pro - Será que decola?

Confesso que já errei muitas previsões. E errei feio! A maior foi achar que o iPad só faria sucesso realmente se viesse com um sistema operacional de desktop e não de smartphone. Mas também acertei muitas. Enquanto muitos criticavam o Galaxy Note e o tamanho da tela, eu achava que ele seria bem recebido com o tempo e ganharia o seu espaço, o que de fato ocorreu. Mas entre erros e acertos, aprendi que em previsões de tecnologia, sempre devemos tratar os assuntos com cautela.

E em um mercado que tem priorizado tablets com telas entre 7 e 8,9 polegadas, eis que surge o Galaxy Note Pro, com uma tela enorme de 12,2 polegadas!

Claro que mesmo com o mercado preferindo telas de determinados tamanhos, não haja espaço para outros tamanhos. Exemplo mesmo é o próprio iPad, com tela de 9,7 polegadas e que vende muitíssimo bem. Porém, em tablets, parece que o limite do aceitável são telas de 10, talvez 11 polegadas.

Um exemplo disso é o HP Split X2, um híbrido de tablet e notebook. Ele roda o mesmo Windows 8.1 que encontramos nos desktops e notebooks convencionais. No modo notebook, seu funcionamento é perfeito, com ótimo desempenho, autonomia de bateria, conforto... Porém no modo tablet, ele é grande e desengonçado. Dentro de casa ou do trabalho até é possível usá-lo e existem situações que é bastante útil (quando se está deitado ou sentado em uma poltrona, quando vai mostrar para alguém algum projeto ou email, por exemplo), mas na rua ou em uma viagem, seu uso se torna bastante estranho.
O HP SplitX2 é excelente como um notebook, mas a tela de 13,3 polegadas
limita seu uso no modo Tablet quando fora de casa ou do trabalho
Fico pensando se o mesmo não irá ocorrer com o Galaxy Note Pro. Será que seu tamanho não irá limitar o seu uso à casa ou trabalho? Será prático levar um tablet grande para outros lugares?


Outro fator que atrapalha sua aceitação é o preço: aqui no Brasil, são quase 3000 reais por um tablet Android. Claro que, em hardware, o Note Pro vem muito bem equipado:


  • Tela LCD de 12,2 polegadas, 16M cores, 2560x1600 (247 ppi)
  • Chipset Exynos 5 Octa 5420
  • CPU quad-core ARM Cortex A15 1,9GHz + CPU quad-core ARM Cortex A7 1,3GHz
  • GPU Mail T628 MP6
  • 3GB RAM + 32GB mem. int. + slot micro SD
  • Câm. tras. 8MP c/ auto foco, flash. Filma em 1080p
  • Câm. frontal 2MP, filma em 1080p
  • 3G HSDPA, bluetooh 4.0, wi-fi b/g/n/ac, A-GPS, GLONASS
  • Android 4.4 KitKat com interface TouchWiz, da Samsung
  • Suporte à realização e recebimento de ligações
  • Acompanha S-Pen para anotações
  • Bateria de 9500 mAh
  • Dimensões: 295.5 x 204 x 8 mm 
  • Peso: 753 gramas
Como podem ver, é um aparelho com configurações de ponta. Seu peso é pequeno para seu tamanho e distribuído pelo corpo do aparelho, não deve cansar tão facilmente. Só ficou devendo uma conexão 4G, mas no resto ele "manda" muito bem, com suporte a até mesmo ligações telefônicas.

Mas, com 3000 reais, é possível comprar um ótimo notebook com Windows com tela touchscreen. Ou um iPad ou outro tablet com 3G/4G e ainda guardar alguns trocados. Ou, dependendo da situação, comprar um notebook e um tablet! A questão é onde a Samsung deseja posicionar o Note Pro: ela quer que o tablet substitua um notebook ou simplesmente deseja criar um novo mercado. Como a Samsung sempre está arriscando caminhos novos (Galaxy Note e Galaxy Gear são bons exemplos disso), talvez nem mesmo ela saiba qual o caminho será seguido pelo Note Pro.

Na verdade, o que irá acontecer, somente o tempo dirá. Estarei aqui, sentado de camarote, acompanhando o sucesso ou o fracasso, o Note Pro roubando vendas dos notebooks ou criando um novo mercado, vendendo como água ou encalhado nas lojas. Particularmente, torço pelo produto, pois é mais uma opção para nós, consumidores. Mas torço também para que se preço caia, e muito, pois não imagino que muitas pessoas estejam dispostas em pagar quase 3000 reais em um tablet com uma mobilidade mais limitada...





2 comentários:

  1. Esse Tablet já chegou no Brasil?

    ResponderExcluir
  2. .


    Não gostei... penso que o tamanho ideal de tablet seja algo entre 8 a 10". Menor que 8 fica bem apertado de visualizar uma planilha por exemplo, e maior que 10" já fica bem desconfortável de transportar no dia a dia. Eu não compraria este aparelho.



    .

    ResponderExcluir